Dourados, MS - 20 de Outubro de 2018

10/01/2018 13h28

​Projeto antitabagismo é diferencial a pacientes em UBS de Vila Vargas

Terapia em grupo, na unidade básica de Saúde de Vila Vargas, ajuda as pessoas a abandonarem o hábito de fumar​

Fotos – Divulgação

Parar de fumar não é uma atitude fácil de ser tomada e colocada em prática individualmente. Pensando nesta situação e com o propósito de contribuir com a saúde da população, a equipe de profissionais da UBS (Unidade Básica de Saúde) do distrito de Vila Vargas realizou um projeto antitabagismo com um grupo de 35 pessoas.

 

 

A ação, estruturada dentro de uma das diretrizes da Secretaria de Saúde, de prevenção e combate a hábitos prejudiciais, foi fundamental para que parte do grupo deixasse totalmente o cigarro e outra parcela diminuísse consideravelmente o hábito de fumar.

 

Em encontros mensais foram debatidos manuais de combate ao tabagismo e compartilhadas experiências dos participantes. O grupo contou com consultas mensais (de setembro a dezembro) para prescrições de medicação oral, adesivos e avaliações.

 

Foram oferecidas aos participantes sessões de auriculoterapia (técnica de usar pontos na pele da aurícula (ouvido externo) para diagnosticar e tratar dor e condições médicas do corpo, também conhecida como Medicina Auricular) como apoio contra o tabagismo.

 

Para a enfermeira Tatiana Chaves Borba, uma das idealizadoras do projeto, a ação atingiu o objetivo da mudança de hábitos aos participantes e a equipe ficou satisfeita com os resultados.

 

“Finalizamos o grupo com 22 participantes. Destes, 11 pararam completamente de fumar e 11 diminuíram consideravelmente a quantidade diária de cigarro. Temos satisfação nestes dados, na certeza de que atingimos ótimos resultados, já que metade dos que permaneceram no grupo até o final conseguiu deixar de fumar, o que nos incentiva a outras ações em breve”, disse.








Leia mais notícias de Cidade

0 Comentários

publicidade