Dourados, MS - 23 de Junho de 2018

13/06/2018 10h27

Lopetegui é demitido da Espanha antes da Copa do Mundo

ESPN

© EFE Julen Lopetegui durante treino da seleção da Espanha, em Krasnodar (Rússia)

Um dia depois de ser anunciado como novo técnico do Real Madrid, Julen Lopetegui foi demitido de seu cargo à frente da seleção espanhola a dois dias da estreia na Copa do Mundo contra Portugal.

 

 

 

"Nos vimos obrigados a prescindir do técnico nacional. Nós lhe desejamos a maior das sortes. O que consiga a seleção terá a ver com o trabalho que ele desenvolveu", disse Luis Rubiales, presidente da RFEF.

 

 

"A RFEF, a seleção, é dos espanhóis, e essa é uma decisão difícil de tomar. A negociação aconteceu sem a RFEF saber. Fomos comunicados da decisão apenas cinco minutos antes de uma nota oficial (do Real Madrid)", explicou.

 

 

Ainda não foi decidido quem substituirá Lopetegui.

 

 

A revelação de que o ex-goleiro seria o substituto de Zinedine Zidane no comando do clube merengue caiu como uma bomba na Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF).

 

 

Presidente da entidade, Luis Rubiales não compareceu ao Congresso da Fifa, que acontece nesta quarta, para se dirigir diretamente a Krasnodar, onde a Espanha está concentrada.

 

 

Segundo o diário Marca, os jogadores - especialmente os capitães - exigiram a permanência de Lopetegui como técnico após a ótima campanha invicta nas eliminatórias europeias e também em recentes amistosos preparatórios ao Mundial na Rússia.

 

 

Nem assim o presidente demoveu da ideia. "Não me sinto traído", garantiu o dirigente. "Estou convencido de que Julen teria outra sorte se as coisas tivessem acontecido de outra maneira".

 

 

"Peço a todos os espanhóis que apóiem a equipe", disse Rubiales.  








Leia mais notícias de Esportes

0 Comentários

publicidade